Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/31600
Type: Dissertação
Title: Patrimônio, referências culturais e memórias: olhares sobre o conjunto urbano de Congonhas/MG
Authors: Bárbara Monteiro Cordeiro e Silva
First Advisor: Leonardo Barci Castriota
First Referee: Yacy-Ara Froner Gonçalves
Second Referee: Marina Salgado
Abstract: Esta pesquisa parte da problemática do habitual distanciamento entre os olhares do poder público e da população no que tange à preservação do patrimônio cultural, tendo como estudo de caso o Conjunto Arquitetônico e Urbanístico de Congonhas, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) em 1941. Buscar-se-á verificar se os olhares destes atores são compatíveis e como (se) a comunicação entre eles afeta o ambiente construído congonhense a partir das referências culturais locais, abarcando os valores e memórias vinculados a elas, tendo em vista que os discursos dos agentes de um território produzem padrões representativos dentre os quais estão os códigos espaciais. Para tanto, a visão do poder público foi pesquisada tendo como foco, principalmente, o processo de tombamento do IPHAN nº 238-T-41, uma vez que este embasou estudos posteriores; e através da análise de ações e leis da municipalidade desde a década de 1940. No que tange ao olhar da comunidade, este reconhecimento foi explorado a partir de revisão bibliográfica, grupos focais, entrevistas e elaboração de mapas mentais. Tais elementos possibilitaram perceber o discurso fragmentado e voltado para o ordenamento urbano por parte dos órgãos públicos, enquanto a aproximação com a população possibilitou perceber que os discursos simbólicos ultrapassam os discursos explícitos, resultando em uma apreensão mais abrangente do conjunto urbano sustentada, fundamentalmente, pelas práticas religiosas centenárias no município.
Abstract: This research starts from the habitual distance between the public administration and the citizens concerning the Historical Heritage Preservation, taking for analyses the Congonhas Architectural and Urbanistic Set, recognized by Brazilian National Historical Heritage Institute (IPHAN) from 1941. We intent check if the public administration from IPHAN is in accordance with the Congonhas people culture, taking as reference the local culture as their values and memories, considering that agent´s concept from one area made representatives standards, as the spatial code. The public administration context was researched having as special attention for IPHAN criteria (IPHAN nº 238-T-41) Cultural Heritage Process, because this process was one support for others technical analyses. We made so analyses of actions and public administration laws from 1940 years. From the citizens concerning, this historical heritage sets were used from the bibliographic revision, focal teams and interviews. As results, we could know the tendential propose having as goal the urbanistic arrangement for the public administration, and at the same time, we could see the approximation with the citizens and these symbolic speeches exceeded. These explicit speeches, giving as result one hard worry for the sustained urban set, having as base centenaries religious habits in this local city.
Subject: Patrimônio cultural
Memória
Paisagem urbana
Congonhas (MG)
language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
Publisher Initials: UFMG
metadata.dc.publisher.department: ARQ - ESCOLA DE ARQUITETURA
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ambiente Construído e Patrimônio Sustentável
Rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/31600
Issue Date: 1-Aug-2019
metadata.dc.description.embargo: 1-Aug-2020
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Bárbara M. C. Silva.pdf10.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.