Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/32185
Type: Monografia
Title: Percepção de cuidado sobre a condição clínica do idoso atendido em domicílio por equipe multiprofissional: revisão integrativa
Authors: Ana Priscila Silva Veloso
First Advisor: Susan Martins Lage
Abstract: Introdução: A modalidade terapêutica de atendimento domiciliar ao idoso define todos os serviços realizados em domicílio por profissionais da área da saúde. Caracteriza-se por um conjunto de procedimentos e mostra-se como uma ferramenta para uma visão mais ampla de ações em saúde e é uma solução inovadora para melhorar os serviços em saúde para o público acima de 60 anos. Objetivo: identificar quais são as percepções de cuidado dos agentes da equipe multiprofissional em saúde, dos pacientes e dos cuidadores sobre a condição clínica de idosos que recebem atendimento em domicílio. Método: revisão integrativa realizada nas bases de dados LILACS, Pubmed, Scielo, MEDLINE e PEDro, utilizando os seguintes descritores em inglês e suas respectivas traduções para o português: “home care services” (atendimento domiciliar), elderly (idoso), perception (percepção), and “patient care team” (equipe de atendimento). Resultados: Foram analisados 5 artigos, sendo três na língua inglesa e dois na língua portuguesa, todos os estudos do tipo qualitativo. Os estudos demonstraram que a intervenção domiciliar multiprofissional foi considerada enriquecedora para os profissionais da equipe em saúde, e os serviços prestados foram considerados satisfatórios para os pacientes e cuidadores. O planejamento e gerenciamento das ações em saúde pela equipe, bem como o vínculo entre os idosos e profissionais foram reportados como prenuncio de maior resolutividade das necessidades em saúde, aprimoramento do cuidado e melhor controle da medicação prescrita. De forma geral, o atendimento domiciliar foi percebido com estratégia de prevenção de hospitalizações, redução de agravos em saúde e melhora da qualidade de vida do idoso por todos os envolvidos. Conclusão: A modalidade de atendimento domiciliar é um tipo de cuidado que se adapta, à maioria das vezes, às preferências, aos desejos, as capacidades e limitações dos pacientes e seus familiares, inferindo para os que recebem o cuidado, uma melhora considerável dos resultados em saúde e em apoio mais abrangente, garantindo satisfação aos pacientes e seus cuidadores. O atendimento domiciliar do idoso insere-se em um contexto de ampliação do campo de trabalho profissional e prestação de serviços diferenciados para a saúde. A fim de otimizar os resultados de condição clínica da população idosa, é necessário pensar uma estruturação “ideal” de atendimento ao idoso no domicílio, que considere desde a relação dos pacientes com os demais envolvidos até os investimentos na saúde geral do idoso. Novos estudos na modalidade de atendimento domiciliar também são relevantes, pois podem acrescentar soluções inovadoras para esse contexto.
language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
Publisher Initials: UFMG
metadata.dc.publisher.program: Curso de Especialização em Avanços Clínicos em Fisioterapia
Rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/32185
Issue Date: 6-Jul-2019
Appears in Collections:Especialização em Avanços Clínicos em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_Veloso_final.pdf675.5 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.