Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-9HAF9J
metadata.dc.type: Monografias de Especialização
Title: Práticas de educação inclusiva em uma unidade municipal de educação infantil de Belo Horizonte: um estudo de caso
metadata.dc.creator: Luciana Laguna Moreira
metadata.dc.contributor.advisor1: Sandro Coelho Costa
metadata.dc.description.resumo: A inclusão de pessoas com deficiência tem sido um grande desafio para os sistemas de ensino. Devido à ampliação do acesso das crianças com deficiência em escolas regulares, percebe-se há discussões diversas acerca das políticas e práticas educacionais que envolvem esta questão. Veiga (2002, p.190), relata que a inclusão escolar é uma realidade nas escolas, mas que se esbarra em questões sociais e políticas. Esta pesquisa tem por objetivo geral analisar a concepção que o professor de três/quatro anos da UMEI tem do trabalho pedagógico que realiza junto às crianças de inclusão. E por objetivos específicos; compreender a forma como o professor reage diante do desafio de trabalhar com crianças de inclusão, identificar os maiores desafios que o profissional encontra para exercer seu trabalho pedagógico, e descrever e analisar como a educadora define a inclusão de crianças na UMEI. A instituição cujo projeto de pesquisa foi desenvolvido é uma Unidade Municipal de Educação Infantil em Belo Horizonte. A UMEI tem 11 alunos de inclusão matriculados. De acordo com o PPP da instituição, a classificação das inscrições à vaga na UMEI obedece a critérios, entre eles, em prioridade, está o caso da criança com deficiência, e ainda exigindo na efetivação da matrícula o laudo médico emitido por profissional da área de saúde. São os sujeitos da pesquisa: Professora, Auxiliar de Apoio a Inclusão e crianças. Os instrumentos de investigação são a observação; rotina da criança com deficiência, interação e socialização com demais crianças e professora e com a Auxiliar de Apoio à Inclusão. E a entrevista; com a professora referência. Os resultados e discussões até aqui apontados demonstram que são muitos os desafios e barreiras encontrados na prática pedagógica; a falta de formação especializada; a falta de materiais pedagógicos específicos; as dificuldades de acessibilidade na instituição; e dentre outros. Entretanto, percebe-se que a inclusão é algo que beneficia não só as crianças com deficiência, mas todo o conjunto de sujeitos que circulam no espaço escolar, pois oportuniza múltiplas oportunidades de aprendizagens. Dessa forma, acredita-se que as experiências e discussões dos envolvidos neste processo contribuirão para reflexão e para um olhar mais significativo para a inclusão e para o exercício da docência nas escolas.
Abstract: The inclusion of people with disabilities has been a major challenge for education systems. Due to the increased access of children with disabilities in regular schools, you realize there are several discussions about the educational policies and practices that involve this issue. Veiga (2002, p.190) reports that educational inclusion is a reality in schools, but it touches on social and political issues. This research has the objective to analyze the concept that the teacher three / four years of Umei have the pedagogical work he does with children of inclusion. And for specific objectives; understand how the teacher reacts to the challenge of working with children of inclusion, identify the major challenges that professionals meet to exercise their pedagogical work, and describe and analyze how the teacher sets the inclusion of children in Umei. The institution whose research project was developed is a Municipal Unit of Child Education in Belo Horizonte. The Umei has 11 students enrolled inclusion. According to the PPP of the institution , the classification of the entries to the vacancy in Umei is conditional , among them , in priority, is the case of disabled children , and still demanding the execution of the file the medical report issued by professional area health. Are the subjects of research: Professor, Assistant Support Inclusion and children. The research instruments are observing; routine of children with disabilities, interaction and socialization with other children and with the teacher and Auxiliary Support Inclusion. And the interview, with the teacher reference. Results and discussion here pointed demonstrate that there are many challenges and barriers encountered in pedagogical practice, the lack of specialized training, the lack of specific teaching materials, difficulty in accessibility in the institution, and others. However, it can be seen that inclusion is something that not only benefits children with disabilities, but the entire set of subjects that circulate within the school, provides opportunities for multiple learning opportunities. Thus, it is believed that the experiences and discussions involved in this process contribute to reflection and a more meaningful for inclusion and look for the practice of teaching in schools.
metadata.dc.subject.other: Educação
Educação especial
Educação pre-escolar
metadata.dc.language: Português
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
metadata.dc.publisher.initials: UFMG
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-9HAF9J
Issue Date: 27-Jan-2014
Appears in Collections:Especialização em Docência na Educação Infantil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
monografia_luciana_laguna.pdf182.62 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.