Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-AC9RSH
metadata.dc.type: Monografias de Especialização
Title: A separação magnética de minérios de ferro no Brasil: uma revisão
metadata.dc.creator: Rejane Cristina Crisóstomo
metadata.dc.contributor.advisor1: Risia Magriotis Papini
metadata.dc.description.resumo: A separação Magnética é uma etapa de concentração, utilizada para a separação de espécies úteis, podendo concentrá-las ou purificá-las. Essa separação depende da resposta do mineral quando submetido a um campo magnético, chamada susceptibilidade magnética. Como o mercado esta cada vez mais exigente, e a concorrência maior, as variações nos teores dos minérios de ferro nas jazidas, levando em consideração os aspectos geológicos, como a mineralogia e a gênese do mesmo, exigem aprimoramento nas tecnologias e um maior conhecimento dos minerais envolvidos, para se obter um produto final adequado para o consumidor. Com base nos diferentes teores e produtos finais adequados, cada minério pode exigir uma técnica especifica no beneficiamento. Existe no mercado uma variedade de separadores magnéticos, havendo separadores de baixas e altas intensidades que operam tanto a seco quanto a úmido, são classificados de acordo com a sua intensidade de campo e com o material a ser concentrado e/ou purificado. Os separadores são denominados separadores de tambor, de rolos induzidos, de correias cruzadas, de carrossel, etc. A escolha de qual equipamento a ser utilizado depende de várias considerações, sendo as mais importantes a distribuição granulométrica, a distribuição magnética do material a ser beneficiado e a capacidade do equipamento. O presente trabalho faz uma sintética revisão bibliográfica sobre a separação magnética de minérios de ferro. Conclui-se neste estudo que a separação magnética para óxidos de ferro é bastante eficaz.
Abstract: The magnetic separation step is a concentration used for the separation of useful species and may concentrate them or purify them. This separation depends on the mineral response when subjected to a magnetic field, called magnetic susceptibility. As the market is increasingly demanding, and the increased competition, changes in levels of iron ore in the mines, taking into account the geological aspects, like mineralogy and the genesis of it, require improvements in technology and a greater knowledge of minerals involved, to obtain a final product suitable for the consumer. Based on different levels and appropriate final products, these ores may require a specific technique in processing. Exists in the market a variety of magnetic separators, with low separators and high intensities that operate dry as wet, they are classified according to their field strength and the material to be concentrated and / or purified. The tabs are called drum separators, induced rolls, cross-belt, carousel, etc. The choice of which equipment to be used depends upon several considerations, the most important being the particle size distribution, the distribution of the magnetic material to be processed and the capacity of the equipment. This work is a synthetic literature review on the magnetic separation of iron ore. It is concluded in this study que one magnetic separation paragraph iron oxides and Very Effective .
metadata.dc.subject.other: Minérios de ferro
Minas e recursos minerais
Separação magnética de minério
Magnetismo
metadata.dc.language: Português
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
metadata.dc.publisher.initials: UFMG
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-AC9RSH
Issue Date: 7-Jul-2015
Appears in Collections:Especialização em Engenharia de Recursos Minerais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
monografia_rejane.pdf1.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.