Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-AAQNNR
metadata.dc.type: Dissertação de Mestrado
Title: Coagulação de grãos no meio interestelar
metadata.dc.creator: Rodrigo Dias Tarsia
metadata.dc.contributor.advisor1: Sylvio Ferraz de Mello
metadata.dc.contributor.referee1: José Antônio de Freitas Pacheco
metadata.dc.description.resumo: A existência de polarização na luz de estrelas, quer intrínseca, como nas estrelas gigantes vermelhas (Serkiwski, 1966; Kruszewski, Gehrels & Serkowski, 1968; Dick, 1968), quer de origem interestelar (Hall, 1949, Hiltner, 1949; Hiltner, 1956) apresenta um problema interessante quanto ao mecanismo que a produz. Essa polarização é parcialmente linear e fraca, estando associada com a extinção (Hiltner, 1956). Além disso, no caso das estrelas vermelhas, a polarização é algumas vezes variável com o tempo e todas as vezes em que se observou no infra-vermelho, em comprimentos de onda de dez ou onze micara, encontrou-se um excesso pronunciado de radiação infra-vermelha, com relação a estrelas de mesmo tipo espectral, não polarizadas (Serkowski, 1971).
metadata.dc.subject.other: Estrelas
Astrofisica
Física
metadata.dc.language: Português
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
metadata.dc.publisher.initials: UFMG
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-AAQNNR
Issue Date: 3-Aug-1972
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese___tarsia__rodrigo_dias.pdf17.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.