Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-AQVHUE
metadata.dc.type: Dissertação de Mestrado
Title: Comparação dos efeitos da vibração de corpo inteiro e vibração localizada sobre o desempenho nos testes de IRM e CVM
metadata.dc.creator: Aler Ribeiro de Almeida
metadata.dc.contributor.advisor1: Bruno Pena Couto
metadata.dc.description.resumo: Diversos estudos indicam que a aplicação de vibrações mecânicas pode contribuir para o aumento da força muscular máxima. O objetivo deste trabalho foi verificar os efeitos agudos da aplicação da vibração de corpo inteiro e da vibração localizada sobre o desempenho nos testes de 1RM no exercício rosca direta e de CVM de flexores do cotovelo. A amostra foi composta por 15 voluntários do sexo masculino, com média de idade de 25.6 + 3.96 anos. Todos os voluntários estavam inseridos regularmente em um programa de treinamento de força para membros superiores há pelo menos seis meses ininterruptos. Todos os voluntários compareceram em pelo menos sete sessões, sendo uma sessão de familiarização e seis sessões de testes. Cada uma das condições [testes sem vibração (SV), testes com vibração de corpo inteiro (VCI) e testes com vibração localizada (VL)] foi realizada em duas sessões subsequentes, separadas por um intervalo de 48 horas. A ordem das sessões de testes foi aleatorizada a partir do procedimento de quadrados latinos. Na familiarização os voluntários realizaram uma série do exercício rosca direta, sem aplicação de vibração, para estimativa do valor de 1RM. Após uma pausa de cinco minutos os voluntários realizaram duas séries de duas repetições, com 95% da 1RM estimada, em cada uma das três condições, com intervalos de três minutos entre as séries. Nas sessões de testes os voluntários realizaram inicialmente o teste de CVM, para normalização dos dados de eletromiografia (CVMn), composto por três séries de seis segundos e intervalo de cinco minutos entre as séries. Após um intervalo de 10 minutos foi realizado o teste de 1RM em uma das condições do estudo, composto por no máximo cinco tentativas, com intervalo de cinco minutos entre elas. Ao final do teste de 1RM, respeitando um intervalo de 30 minutos, foi realizado o teste de CVM em uma das condições do estudo (SV, VCI ou VL), para verificação do efeito da vibração mecânica sobre a atividade eletromiográfica e sobre o pico de força máxima durante a CVM. Foi respeitado um intervalo de pelo menos 120 horas entre os pares de sessões de uma mesma condição experimental. A EMGrms normalizada do bíceps braquial e do braquiorradial durante os testes de 1RM e de CVM apresentou valores significativamente maiores (p<0,05) na condição VL em relação às condições VCI e SV, tendo a condição VCI apresentado valores significativamente maiores (p<0,05) em relação à condição SV. O peso deslocado no teste de 1RM na condição VL foi significativamente maior (p<0,05) em relação à condição SV. Não houve diferença entre as condições VCI e SV e VCI e VL. Os valores de força encontrados no teste de CVM na condição VL foram significativamente maiores em relação às condições SV e VCI, tendo a condição VCI apresentado valores de força significativamente maiores em relação à condição SV. Foi possível concluir que a aplicação de VL aumentou o desempenho no teste de 1RM e de CVM, enquanto a aplicação de VCI aumentou apenas o desempenho no teste de CVM.
Abstract: Several studies indicate that the application of mechanical vibrations may contribute to the increase of the maximum muscle strength. The objective of this study was to investigate the acute effect of the application of whole body vibration and localized vibration on the performance in the 1RM tests and MVC. The sample consisted of 15 male volunteers with a mean age of 25.6 + 3.96 years. All volunteers were inserted regularly in a strength training program for upper limbs for at least six consecutive months. All volunteers attend at least seven sessions, with a familiarization session and six test sessions. Each of the conditions (without vibration (WV) with whole body vibration (WBV) and localized vibration (LV)) was carried out in two subsequent sessions separated by an interval of 48 hours. The order of conditions in the test sessions was randomized from the Latin Squares procedure. In familiarization the volunteers performed a series of exercise of elbow flexion without the application of vibration, to estimate the value of 1RM. After a five minute break volunteers were submitted to a set of two repetitions with 95% of the estimated 1RM in each of the three conditions, on three minute intervals between sets. In the test sessions the volunteers initially performed the MVC test for normalization of electromyography data (MVCn), composed of three sets of six seconds and five minutes rest between sets. After a 10 minute interval was performed 1RM test in a study of the conditions, composed of a maximum of five attempts, with five minutes apart. At the end of the 1RM test, an interval of 30 minutes, was the CVM test conducted in one of the study conditions (WV, WBV or LV), for checking the mechanical vibration effect on the electromyography activity and the peak maximum strength during MVC. A range of at least 120 hours sessions between pairs of the same experimental condition was observed. The normalized EMGrms the biceps and brachioradialis during the 1RM tests and MVC was significantly higher (p <0.05) in LV condition in relation to the WBV and WV conditions, having the WBV condition presented significantly higher values (p < 0.05) compared to the WV condition. The weight shifted in the 1RM test in LV condition was significantly higher (p <0.05) compared to the WV condition. There was no difference between the conditions and WV, WBV and WBV and LV. The force values found in MVC test in LV condition were significantly higher compared to WV and WBV conditions, having the WBV condition presented significantly higher strength values compared to WV condition. Therefore, the application of LV affect performance in the 1RM test and CVM, while applying WBV only affect performance in MVC test.
metadata.dc.subject.other: Esportes Treinamento técnico
Vibração
Força muscular
metadata.dc.language: Português
Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
metadata.dc.publisher.initials: UFMG
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-AQVHUE
Issue Date: 29-May-2015
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
disserta__o_aler_ribeiro_final.pdf1.56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.